Dízimo; veja porque ele faz parte das finanças pessoais.





Dízimo uma questão de fé ou de Finanças?

dízimo

 

Porque falar de dízimo em um blog sobre finanças? Você deve estar se perguntando.

Vou te responder porque uma grande parte da população brasileira são dizimista, seja na igreja católica, seja nas igrejas evangélicas, enfim todos que tem algum tipo de crença sabem como é importante devolver o dízimo. Mas umas partes dessa mesma população também acreditam que o dízimo faz parte do orçamento doméstico.

 

Se você considerar que o dizimo é um compromisso que precisa ser devolvido todo mês tem que colocá-lo no seu orçamento doméstico.

Mas o que é o dizimo?






Nos tempos do antigo testamento a lei de Moisés prescrevia o pagamento de 10% de todo rendimento mensal dos fiéis (pagos com mantimentos agrícolas e bens como animais) para manter a tribo de Levi e os sacerdotes, responsável pela manutenção do Tabernáculo e também o templo, já que eles não tinham direitos a heranças de territórios. Esses mantimentos também assistia as necessidades dos órfãos, viúvas e pobres.

leia a bíblia para conhecer mais sobre o dizimo:

Gn 14:20

Deu 14:22

Lc 6:38

Mt 23:23

sal 24:1

sal 96:8

dízimo

 

 

   Como é feito o dízimo nos tempos de hoje?

Hoje o dízimo é uma doação regular e proporcional aos rendimentos do fiel, que todo batizado deve assumir. São antes de tudo uma grande graça. Pois é uma forma concreta que o cristão tem para manifestar a sua fé em Deus e seu amor ao próximo.

Nos dias de hoje todos somos convidados a oferecer 10% daquilo que ganham, mas isso não é um mandamento; ninguém é obrigado e constrangido a fazê-lo. O mais importante é que você entenda que dizimo não é esmola se Deus nos dá em abundancia porque não devolver para ele 10% para que a igreja continue a fazer o mesmo que Moisés nos ensinou com suas leis?

Para ser considerado dízimo é preciso realmente que seja uma porcentagem dos seus ganhos sendo no mínimo 1% .se você ganha R$ 1000,00 ofereça livremente e com alegria R$ 10,00, isto ainda é considerado dizimo. Menos do que isso é uma oferta.

 

Lembro que na minha infância quando íamos a única igreja daquela região, meus pais que ganhavam R$ 20,00 por mês para sustentar uma família com 7 filhos, mesmo assim minha mãe sempre levava algumas moedinhas para depositar no cofre da igreja como oferta, lembro do sorriso que ela levava no rosto quando caminhava em direção ao ofertório. Por isso eu acho que nunca nos faltou nada, o essencial para nossa sobrevivência. Por isso eu acho que dizimo é questão de fé.

Isso nos mostra como nos dias atual somos egoístas, hoje muita gente ganha um salário, dois salario e até mesmo três salario, mas na hora de devolver o dizimo dizem que não podem levar nem mesmo as moedas pois iram fazer falta para comprar o pão.

Para onde vai o dízimo?

O dízimo todo é investido na igreja. Uma pequena parte é destinada a diocese que estar a serviço da comunidade. O restante é dividido entre a comunidade e casa paroquial.

Toda igreja tem despesas como a sua casa:

  • Despesas com culto; toalhas, velas, flores, luz, agua, vinho…
  • Despesas com as pastorais; catequese, retiros, livros, cartazes…
  • Remuneração; padres, funcionários da casa paroquial…
  • Promoção humana e social; pobres, idosos, crianças…
  • Formação de; lideranças, padres, ministros, catequese…

 

 

Veja aqui uma tabela para você que ganha até R$ 1000,00 se inspirar e colocar o dízimo no seu orçamento doméstico;

Despesas Valor
Mercado 50%                      R$ 500,00
Água, luz, telefone 10%                      R$ 100,00
Cartão 30%                      R$ 300,00
Despesas extras 8%                        R$ 80,00
Dizimo 2%                         R$ 20,00
 
 

 

É claro que essa tabela não se aplica a todos, mas serve como base para que você possa ter uma ideia de quanto você vai pagar se for devolver 2% do seu salário.

veja 12 verdades sobre como cuidar bem do seu dinheiro

Quanto gastar com lazer

Como manter a casa organizada

Curso Empreenda suas idéias

“Aquele que perde dinheiro, perde muito. Aquele que perde um amigo, perde muito mais. Aquele que perde a fé, perde tudo.”  Eleanor Roosevelt





MICILEIDE SOARES

Micileide soares fundadora do blog finanças real. Sonha em alcançar o sucesso e viver de blog